Rua Real

6 mar
Partindo para o mundo blogosférico do hemisfério Norte, não demora muito pra ver que por lá o negócio é Street Style (mas atenção para o trabalho incrível que o pioneiro http://rioetc.com.br anda desenvolvendo pelas ruas da Cidade Maravilhosa). Em suma, o encanto (vocês ainda vão ler muito essa palavra por aqui!) vem da interpretação que cada um deu a peças da estação ou mesmo o bom e – literalmente – velho vintage, antes de sair de casa.
Claro que com a “febre” dos blogs de estilo de rua, muitas pessoas saem de casa montadas no glamour para tentar aparecer em uma das páginas hypadas, e não vamos esquecer dos muitos famosos que se munem de stylists ou são patrocinados por alguma marca…Enfim, detalhes técnicos à parte, o fato de em um clique conseguir viajar pelas ruas de Paris, EstocolmoLondres, Tokio e mais, é algo quase místico, um formato que mexe com o instinto criativo de quem faz do ato de se vestir quase que a criação de uma fábula onde o personagem principal é você mesmo.

Muitas vezes, blogueiras(os) – sejam eles “fotógrafos” de street style ou blogueiras de “look do dia” – acabam construindo uma imagem intocável de pseudo-celebridade (e isso não acontece somente no Brasil); mas e se essas pessoas fossem somente…pessoas?! E se isso fosse possível?! Pois bem, posso estar chocando milhares de fãs com essa “revelação”, mas sim, blogueiros e blogueiras são apenas pessoas de verdade, muitos deles são pessoas incríveis, mas ainda assim são pessoas, e pensem comigo, isso é tão maravilhoso quanto ser uma imagem intocável portando uma bolsa de grife!


Logo no comecinho desse ano, tive a oportunidade de participar de um workshop de street style no Instituto Rio Moda ( pra quem quer viver em sintonia com o cenário profissional desse mundo incrível, vale conferir os workshops oferecidos), comandado por ninguém menos que Yvan Rodic, ou se vocês preferirem, o Facehunter. Logo no primeiro momento via-se que aquele que estava de pé diante da “turma” era um cara criativo e com muito a compartilhar (vide suas viagens pelo mundo fotografando as mais diversas figuras) com pessoas igualmente incríveis, ou seja, em vez de termos uma “estrela” falando de suas peripécias e ponto, tínhamos tanto um “professor”, quanto “alunos” vindos de um mundo cheio de possibilidades (lê-se jornalismo, design, publicidade e muito mais), todos com um rio de experiências a compartilhar…


E aí fomos todos às ruas de Ipanema procurar figuras cheias de estilo para simular um blog de street style! Os temas foram os mais diversos e o mais interessante foi que no fim, ninguém julgou o trabalho de ninguém, e cada trabalho jogou uma nova luz na “profissão blogueiro”.

Bem, ter, não ter um blog, acompanhá-los ou não, o fato é que nas ruas pode-se sentir o verdadeiro encanto da moda: as mil faces que ela ganha nas mãos de quem não tem medo de usá-la, não tem medo de mostrar-se. A rua é real, as pessoas são reais, e essa é a magia!


P.S. A quem interessar possa, aí vão os links dos blogs de street style mostrados aqui:
T.G.I.Fashion!
Anúncios

Uma resposta to “Rua Real”

  1. Gustavo Rodrigues 06/03/2012 às 20:02 #

    Vamos todos nos encantar por este espaço!(:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: