Arquivo | Markus Zusak RSS feed for this section

Resenha: Eu Sou O Mensageiro – Markus Zusak

10 set

            Markus Zusak é um escritor australiano nascido no ano de 1975, famoso pelo best-seller “A Menina que Roubava Livros”, lançado em 2006 e que se tornou um fenômeno literário. Aos 30 anos foi considerado um dos mais inovadores romancistas da atualidade. Eu Sou O Mensageiro, também de sua autoria, foi publicado pela primeira vez em 2003.
 Ed Kennedy tem 19 anos e é taxista. Vive uma vizinhança medíocre com seu cão velho ,lê mais livros do que deveria, está apaixonado por sua melhor amiga e não tem nenhuma espécie de ambição ou perspectiva em sua vida, como sua mãe gosta de lembrá-lo sempre. As coisas são sempre as mesmas até que em um arroubo de coragem inexplicável, Ed consegue impedir um assalto a banco e ganha seu dia de fama com a imprensa local. É a partir dai que ele começa a receber estranhas cartas de baralho pelo correio contendo endereços ou pistas a serem decifradas. Um pouco hesitante e bastante inseguro, Ed começa a visitar os endereços escritos nas cartas e realizar várias missões em cada um desses lugares e que o levam a conhecer pessoas que de alguma maneira necessitam de sua ajuda.
Narrado em primeira pessoa, o livro apresenta uma linguagem muito clara e sem rodeios, às vezes até com alguns palavrões e gírias de modo que o leitor pareça estar mesmo conversando com o protagonista. Ed pode parecer à primeira vista um herói bastante incomum. Como ele mesmo se define, é covarde, não fez faculdade, é péssimo com as mulheres e também não é bom com jogos de cartas. Mas, apesar de não saber quem está enviando as cartas, ele decide cumprir seu papel. É a partir daí que você já reconhece o valor que há no jovem Ed Kennedy. Ele poderia ter apenas ignorado a carta e continuado a sua vida, mas ele fez sua escolha e decidiu que finalmente era a hora de agir. O que Zusak nos faz ver realmente é que qualquer um de nós tem potenciais para mudar o mundo e, principalmente, mudar nós mesmos.
          Além de toda das mensagens inseridas na historia, a obra prende o leitor e o deixa ansioso pelo cumprimento de cada tarefa. Afinal, assim como o protagonista, queremos saber quem está enviando as cartas de baralho e porque logo Ed foi o escolhido. Eu Sou O Mensageiro é além de tudo uma historia de autoconhecimento, um livro que através das historias das pessoas ajudadas por Ed mostram a beleza e a alegria que há nos pequenos gestos de gentileza e compaixão.

Título: Eu Sou O Mensageiro (I Am The Messenger)
Autor: Markus Zusak
Editora: Intríseca
Ano: 2007
Número de páginas: 318

Recomendação pessoal: Saia por aí e faça alguma coisa boa para alguém mesmo que não tenha recebido nenhuma carta de baralho pelo correio. Pode parecer besteira, mas vai mudar a sua vida pelo menos um pouquinho.


Por: Virgínia Fróes
De: Natal – RN
Email: virginia@revistafriday.com.br

Você já curtiu a Revista FRIDAY no Facebook? faça como eles 😉

Anúncios