Arquivo | novidade RSS feed for this section

Parceria nova, bandas novas! Sejamos bem-vindos!

23 maio
Por: Mayara Munhós e Renan Pagliarusi – 8K Produções
De: São Bernardo do Campo, SP
Email: 8kproducoes@gmail.com

Olá! Somos da 8K Produções.
 
Aqui na Friday faremos uma coluna semanal sobre bandas novas e também do circuito underground.

 
Não podemos ficar por isso né? Nossa história é a seguinte: a 8K é constituída de 11 membros, estudantes de Rádio, TV e Internet da Universidade Metodista de São Paulo. Estamos juntos há quase um ano! Nesse semestre estamos fazendo um trabalho sobre produção de videoclipes. Não imaginávamos que esse tema nos abriria tantas portas, mas abriu, afinal estamos aqui! A Friday achou nosso blog por aí e gostou. Sendo assim, nos chamou para sermos um de seus colaboradores. Claro, aceitamos! E hoje estamos começando.

 
Os responsáveis pela coluna são a Mayara Munhós e o Renan Pagliarusi, respectivamente a diretora e o roteirista da produtora. Tentaremos passar aos nossos leitores o máximo de informações e novidades sobre bandas brasileiras que estão surgindo e até aquelas que já estão há um certo tempo na estrada, mas não tem tanto espaço na mídia. Falaremos também sobre seus integrantes, seus estilos de fazer música e também o dia a dia dessas bandas.
Também aceitaremos sugestões de bandas conhecidas por vocês, podem nos enviar via facebook, e-mail ou comentando aqui mesmo no post. Fiquem ai com o nosso contato e até semana que vem!




Você já curtiu a Revista FRIDAY no Facebook? faça como eles 😉
Anúncios

Conexão Qatar #1: Marhaban , QATAR !

10 fev
Até a placa é personalizada!  ( Por Débora Komukai)
E depois de 14 horas de voo me deparei com uma terra totalmente diferente da minha. Não enxerguei nenhuma palmeira e muito menos um sábia. Logo que sai do avião percebi que estava sendo observada, éramos um total de 30 pessoas. Jovens felizes e bravamente barulhentos, mas notamos que não estávamos sendo vistos por estes detalhes e sim porque realmente nós, no caso, eramos os “diferentes” do momento. 
Sim, é estranho falar sobre isso, mas pare e pense, se um grupo de pessoas com véu e turbante andar em plena Avenida Paulista (SP) todos ou quase todos iriam parar para observar. Tudo que é novo ou desigual assusta. Do nada, um rapaz tirou uma câmera do bolso e começou a nos fotografar. Algumas pessoas comentaram algo ao meu redor, outros até apontaram em nossa direção: 
5 minutos de fama? Ou seria 5 minutos de uma “novidade bizarra”? 
Bom, prefiro ficar com a primeira opção.
Ao entrar no ônibus, tive o meu primeiro contato com a famosa e não tão famosa Doha – capital do país. Muitas luzes, prédios, construções – muitas construções, Doha parece não parar de crescer, é obra para todo o lado.

Mas espera, cadê o deserto? Camelos? Beduínos?
Aí pensei rapidamente em todos que me diziam
“Nossa , fazer o que lá? Ficar no deserto para quê?”.
BOA GALERA , TÃO SABENDO LEGAL! (risos)

As ruas são bem limpas, tive a sensação de que estava em uma maquete. Eu era uma espécie de boneca de plástico em uma cidade surreal. Acredite, nada disso é aforismo, o negócio é limpo mesmo. Fiquei bem entretida com as placas, das mais variadas , eu as lia lentamente – igual criança sendo alfabetizada – tudo em minha cabeça girava em um sentimento confuso.

Que LOUCURA! Quando cheguei ao hotel soltei logo um “Marhaban” toda feliz, porém percebi que não era correspondida. Notei que quase nenhum dos funcionários do hotel se comunica em árabe. Bom, já era de se esperar, pois havia lido em algum lugar que o Qatar conta com uma população de mais de 70% estrangeira, ou seja: Inglês, você foi o escolhido da vez! (detalhe que não sei quase nada de inglês e nem árabe. Pensei comigo: “Oh senhor o que estava fazendo naquele país?” Aí você percebe que a coisa ficou séria!)

Já era tarde e precisava dormir. Aquelas 14 horas voando em territórios africanos, latinos e sei lá mais o quê tinham me deixado exausta. Saí à noite e cheguei de noite. A beleza do local me encantou de primeira. Estava bem longe de casa, porém,  me sentia em meu próprio lar. Loucura? Fuso horário? Quem sabe. 
Realmente precisava descansar, pois em poucas horas mais surpresas estavam à minha espera….

 ليلة سعيدة قطر
Boa noite Qatar