Arquivo | puzzle RSS feed for this section

Review: Trine, diversão em litros!

27 dez


Hoje vou falar um pouco sobre um jogo que me encantou durante essa semana e que eu não consegui parar de jogar, terminando em menos de 10 horas. O game se chama Trine.

O jogo não é novo, foi laçado em 2009 pela Frozenbyte e disponibilizado para Windows, OS X e Playstation. A versão para Linux foi produzida pela Alternative Games e lançada em 2011 dentro de um pacote intitulado “Humble Indie bundle”.

O jogo é estilo plataforma, com elementos de ação e puzzle. Os gráficos do jogo são MUITO bonitos e, apesar de ser um game side scrolling 2D, a profundidade, as cores  e os elementos 3D são impressionantes.

Durante o jogo você controla três personagens (Zoya – Ladina, Pontius – Cavaleiro e Amadeus – Mago) e deve “revezá-los” para conseguir solucionar todos os enigmas e finalizar as fases. Cada personagem possui habilidades únicas que precisam ser utilizadas no decorrer dos desafios. Os personagens ganham experiência ao eliminar inimigos e ao apanhar garrafas de XP, ao atingir 50 pontos de XP as personagens sobem de nível e é possível melhorar suas habilidades.

O enredo do game também é bacana!  Curiosamente, as três personagens ficam presas pelo feitiço do Trine (artefato que da origem ao nome do game) e são obrigados a coexistir como uma mesma entidade. Durante o jogo, você vai guiando as personagens pelos mais diferentes cenários buscando quebrar o feitiço do Trine.

Conclusão

Trine é um jogo MUITO divertido, desafiador, inteligente e com gráficos ótimos (levando em consideração seu ano de lançamento). Recomendo a todos que gostem de jogos de plataforma com elementos puzzle e que, principalmente, queiram um pouco de diversão entre os outros jogos mais hardcores.

Notas

Gráficos 9
Jogabilidade 7 (devido alguns bugs)
Trilha musical e sonora 9
Enredo 8
Diversão 10
Replay 9

Nota final: 8.6


Por: Lucas Alves
De: São Paulo – SP
Email: lucas.a@outlook.com

Você já curtiu a Revista FRIDAY no Facebook? faça como eles 😉

Anúncios