Arquivo | entretenimento RSS feed for this section

Sugestão de games para o Natal 2012

20 dez


Semana que vem já é Natal e para muita gente a data é sinônimo de presentes. Gamer desde criança, eu ficava mais do que feliz quando abria meus pacotes coloridos e um novo jogo dava o ar da graça.

Para se divertir no Natal, além de se preparar para os mega lançamentos de 2013, resolvi indicar alguns dos melhores jogos desse ano para as pessoas que, com aquele jeitinho brasileiro, fazem tudo de última hora e ainda precisam comprar suas lembrancinhas.


The Walking Dead: The Game

The Walking Dead está com tudo. Além dos comics (por aqui conhecidos como quadrinhos) e da série de televisão, no começo de dezembro foi lançado The Walking Dead: The Game, reunindo os 5 episódios disponibilizados para download separadamente ao longo do ano.
Desenvolvido pela Telltale Games, o jogo é baseado nos comics, daí seu visual em cel-shading, técnica utilizada para deixar os gráficos mais cartunescos. Ao longo do jogo, várias escolhas são disponibilizadas nas mais diversas situações. Essas escolhas alteram o rumo da história, seu relacionamento com os outros personagens e até os finais, permitindo que a sessão de jogatina fique um pouco mais pessoal.

The Walking Dead: The Game faturou os prêmios de Jogo do Ano e Melhor Adaptação no Video Game Awards 2012 e é item obrigatório na prateleira dos proprietários de um PS3, X360 ou PC



New Super Mario Bros. U

Mario dispensa maiores explicações, certo?
Quem nasceu na década de 80 com certeza passou maravilhosos momentos na companhia de Mario e cia em seu NESSNES. Pensando melhor, até quem nasceu há pouco tempo e já consegue jogar videogames já deve ter passado bons momentos na companhia dessa turma.
New Super Mario Bros. U, novo jogo da franquia dos irmãos italianos, disponível para Wii U e lançado em novembro, agrada novamente e inova com a possibilidade de ser jogado inteiramente no touchpad do console, mas deixa a desejar na inovação gráfica/sonora.

Para você, hardcore gamer, que abandonou a série pois ela não apresentava uma ameaça às suas habilidades, considere voltar a jogá-la. New Super Mario Bros. U conta com um Challenge Mode que, dizem as lendas e análises do jogo, exigem bastante do jogador.

Ainda não tive a oportunidade de colocar minhas mãos em um Wii U, mas tenho certeza que seria um presente muito bem vindo nesse Natal. O jogo também levou a melhor na categoria Melhor Game para Wii/Wii U no Game Awards 2012.

Pokémon Black and White 2/Professor Layton and the Miracle Mask



Ahhh, Pokémon. Paixão mundial, não é?
Eu sou completamente viciado pelos monstrinhos e os jogos são tremendos blockbusters.
Desde Pokémon Green, lançado em 1996 apenas no Japão, e o grande lançamento de Pokémon Blue/Red em 1998 ao redor do mundo, a Game Freak e a Nintendo provam que a fórmula deu certo.
Todos os jogos lançados mantém a mesma mecânica de jogo, alterando apenas seus gráficos, geração Pokémon e localidades, e com Pokémon Black and White 2 não poderia ser diferente.

Apesar de não surpreender tanto, Pokémon BW2 começa 2 anos após os eventos do primeiro jogo e conta com regiões mais desenvolvidas no continente de Unova, além de uma nova história. Donos de um DS ou 3DS ficarão mais do que gratos com um presente desses.

Para os que curtem o gênero puzzle, o quinto jogo da franquia Professor Layton teve sua estréia no ocidente e também vale muito a pena conferir. 

No game, é como se você fosse um detetive. Nele você desvenda mistérios através da resolução de vários puzzles. Pode parecer simples, mas foi uma das melhores franquias que experimentei para o DS/3DS e recomendo sem sombra de dúvida. Professor Layton and the Miracle Mask está disponível para 3DS.

Espero que tenham gostado e possam aproveitar essas e muitas outras opções quando comprarem seus presentes de Natal. Ainda dá tempo de conseguir um jogo super bom que garantirá várias horas de diversão.


Feliz Natal e bom gameplay! o/

Por: Gabriel Milinkovic
De: São Paulo – SP
Email: gabriel.m@outlook.com

Você já curtiu a Revista FRIDAY no Facebook? faça como eles 😉

Anúncios

Conexão Dublin: Vamos patinar no gelo?

23 nov
Momento da foto: cuidado pra não escorregar!!!
Logo no começo da semana, descobri que eu e meus flatemates iríamos patinar no gelo na quinta-feira. Não pensei duas vezes e já aceitei o desafio – mesmo não tendo patinado antes. Aliás, a experiência mais próxima que tive foi com meus patins no Parque do Ibirapuera. Então pensei “deve ser igual” – em tese apenas, porque na teoria…

O I-Skate fica no local de eventos RDS, em Ballsbridge, Dublin 4. Chegamos para a primeira sessão, às 15h10. Pagamos 12 euros para patinar durante 1 hora, mas como demos sorte e a pista estava praticamente vazia, o monitor nos deixou ficar o tempo que quiséssemos. Estávamos em um grupo de 9 pessoas + outros 4 visitantes. Conseguimos aproveitar bastante nosso tempo lá!


Chegamos meu povo!!!
Assim que colocamos os patins, a primeira pista foi aberta. Levando o nome da Disney, a primeira parte é reservada para as crianças. Para ajudar os pequeninos a se equilibrarem, a pista possui pequenos apoios em formato de pinguim e foca. E é lógico que não passamos em branco!

Logo após uma corrida de focas

Todos congelando com as focas e pinguins

Ps: ele não parece aquele desenho Pingu, que passava na TV Cultura?
Após o aquecimento na área das crianças, fomos convidados a patinar na pista maior, para adultos. Confesso que tremi na base, mas já que estava ali mesmo… Primeiro que era gelo de verdade, não aqueles plásticos ou imitação barata, sabe? Congelei de frio e de medo. Acho que, de todo meu tempo patinando, 85% fiquei perto da borda. E o medo de cair e me esborrachar toda? No início, fui com o pensamento que “estarei no gelo, qualquer coisa, já fico por lá mesmo”, mas me falaram que se ficar muito tempo em contato direto, o gelo também queima. “Pronto, to f*****!”.

Que frio da bexigaaa!!!! haha
Poxa, mandava até que bem no patins – não precisava ficar escorada em nenhuma parede para andar – mas no gelo, as coisas foram bem diferentes. Nunca amei tanto a palavra “quase” no quesito queda no gelo! Devo ter sambado umas 8 vezes para não cair, ao contrário dos meus amigos que vira e mexe esborrachavam no chão. Sim, não aguentava e ria dos tombos gigantes. Mas também, eles mandavam bem no equilíbrio. 

Deve ter doído!

Aquecimento para pegar o jeito!

Fazendo pose, claro!
Saímos de lá umas 17 horas e mega cansados. Meus pés doíam demais e só conseguia pensar em um banho mega quente. Posso dizer que foram 12 euros muito bem utilizados. Pretendo voltar em breve, mas desta vez, para esborrachar no gelo! Afinal, voltei para casa sentindo falta disso! Patinar também me fez pensar no frio que estão falando, -20ºC, e em comprar um blusão bem mais grosso! É meus caros, não está fácil para ninguém! haha

Fotos: Romaric Pouliquen – o francês abrasileirado
            Mariana Perez – a brasileira irlandesada


Por: Mariana Perez

De: Dublin – Ireland
Email: mariana@revistafriday.com.br

Você já curtiu a Revista FRIDAY no Facebook? faça como eles 😉