Arquivo | festa RSS feed for this section

Conexão Dublin: a Virada do Ano Novo

5 jan
“Cause baby you are firework…”

Antes de relatar a minha virada do Ano Novo, gostaria de desejar um feliz 2013 cheio de muita paz, amor, prosperidade e – acima de tudo – FELICIDADE! Confesso que adoro esse clima de “ano novo, vida nova”. Planejamos novas conquistas e mudanças de hábito – nem sempre cumprimos, claro, mas tentamos. Ano Novo renova nossas energias e nossa alma para o que há de vir. Não sei vocês, mas eu estava precisando de uma troca de ano ou, em outras palavras, renovar as esperanças. 

O ano de 2012 marcou minha vida em todos os sentidos: fui assaltada pela primeira vez, fiz a viagem dos meus sonhos, aprendi a gostar de cozinhar e limpar a casa, consegui estabilidade financeira em um outro país, conheci – e conheço frequentemente – pessoas novas, limpei vômito alheio e banheiro de pub… e por ai vai! Posso falar francamente que a maior conquista do ano passado foi conhecer melhor a mim mesma. Descobri que sou muito mais forte do que imaginava.


Infelizmente – ou felizmente – passei as últimas horas de 2012 trabalhando, ou seja, não tenho muitas novidades para contar nem como detalhar como foi a virada aqui em Dublin. O que posso falar é que teve queima de fogos de artifício no parque Stephen’s Green às 20:00 – WTF?! Como aqui eles são proibidos, eles tiveram que antecipar o show! A  avenida que dá em frente a faculdade Trinity College foi fechada para diversas atrações como cantores e na fachada da mesma apareciam diversas imagens como “love from Dublin”.


Permitam-me a sinceridade, mas a virada do ano para mim foi algo meio triste. Passei trabalhando como ajudante de um pub, quer dizer, via os outros bebendo e se divertindo enquanto eu estava lá – sóbria. Sabe, se estivesse no Brasil, a última coisa que viria à cabeça seria trabalho. Além disso, foi meu primeiro Ano Novo longe da família e de todos que amo. Sim, me senti um pouco solitária apesar de conhecer e trabalhar com brasileiros. Mas levo isso como um desafio e – acima de tudo – um sacrifício que será recompensado mais para frente. Acredito que, se sofremos hoje, amanhã tudo ficará bem; choramos agora, mas sorrimos mais tarde. A vida é um desafio e só é bem sucedido aquele que arrisca e eu tenho arriscado todos os dias. Pensando assim, confesso que só recebi 2013 depois das 4 horas da manhã, quando já tínhamos limpado o pub e bebemos nosso primeiro drink. Para amenizar a saudade, pedi logo 3 caipirinhas. O barman chinês mandou muuuuito bem na preparação. 
Sinto que este ano será cheio de alegrias e recompensas. Pelo menos, estou correndo atrás disso. Das coisas que posso dar “certeza” é que em Abril assisto o musical “O Rei Leão” aqui em Dublin e em maio volto para o Brasil para ficar umas 3 semanas e depois venho para Irlanda novamente. Escrevi certeza entre aspas porque os tickets estão comprados – tanto a entrada para o musical quanto a passagem de volta – mas quem sabe do futuro né? Em Janeiro de 2012 eu não tinha a menor ideia que sairia do meu país, então…


ps: respondendo meu post de 2012 – não, não neva!!! Deixa isso quieto – ou para esse ano né!!!  ¬¬’

ps 2: eu falei que fiz os 12 pubs antes do natal? Pois é, mas essa história fica para a próxima semana… 

Por: Mariana Perez
De: Dublin – Ireland
Email: mariana@revistafriday.com.br

Você já curtiu a Revista FRIDAY no Facebook? faça como eles 😉

Anúncios

Conexão Dublin: o tão esperado Halloween

1 nov
Halloween no trabalho: sábado à noite, final de expediente
Nem acredito que o Halloween já passou! Parece que nem deu para aproveitar… Na verdade, aproveitei ao máximo, mas queria muito mais sabe? 

Como disse no post anterior, o Halloween começou desde sexta-feira, dia 26. No meu trabalho, por exemplo, bombou de fantasias criativas. Nem senti a hora passar naquele dia de tão corrido que estava. O que me deixou muito feliz pois nós do pub combinamos de trabalharmos fantasiados no sábado. Tinha comprado minha fantasia do Beetlejuice semanas atrás, mas não queria usá-la no pub pois o vestido era um pouco curto. Acabei comprando uma fantasia baratíssima e confortável de pirata. No começo do trabalho estava assim:


Como não tinha aquela maquiagem especial para o Halloween, acabei improvisando com meu corretivo, lápis preto e batom forte. Quem não tem dinheiro, conta história, não é? 


Chegando ao trabalho, dou de cara com outra pirata, uma das funcionárias. E, ao contrário do que muitas mulheres fazem – birra, fecham a cara, ficam p* da vida por ter outra pessoa com a mesma roupa – chamei a menina que estava com o mesmo tema que o meu para bater uma foto e ainda falei: “achei minha irmã gêmea aqui em Dublin”! Sim, tirei uma onda! Não sei pra que tanto estresse por besteiras como esta!


Resumo de sábado: gorjeta boa, noite engraçada no trabalho e lentes de contato no lixo – chegou uma hora que incomodou demais. Mas beleza, o domingo prometia MUITO MAIS!!!

Como não ia trabalhar no domingão – e nem sabia quais os dias da próxima semana que ia trabalhar, inclusive na quarta-feira de Halloween – decidi curtir o dia com minha flatemate Nadia nas ruas do Temple Bar – famosa rua de Dublin por causa dos bares. E dessa vez vestida de Beetlejuice.


Estava com vergonha no começo, pois sentia que minha peruca chegava primeiro que eu nos lugares. Mas depois que entramos na casa noturna The Buskers fiquei mais tranquila e aliviada. A maioria que estava lá foi fantasiada. Me senti em casa depois de uma dose de tequila e uma pint de Heineken – copo de 500 ml. No meio da festa, recebo uma mensagem dizendo que iria trabalhar na segunda, quarta e quinta-feira. Ou seja, meu esquema para o dia 31 de Outubro foi por água abaixo. Foi ai que falei: “garçom, me vê mais uma heineken”!

Olha ai as figuras que encontramos na baladinha:

Versão feminina do Edward – Mãos de tesoura

Buzz Lightyear entrando em ação

Chucky – o boneco assassino (e bêbado também)

Bumblebee e Optimus Prime (Transformers) na dança do robozinho

Samara falando pessoalmente que tenho apenas 7 dias

Banana de Pijama – acho que era o B1

Freddy Krueger brasileiro depois de bater aquele rango
No dia mesmo do Halloween, ontem, entrei no trabalho às 18 horas. E, o que parecia calmo acabou rendendo boas risadas e ótimo movimento para o pub. Tivemos uma festa de aniversário e cerca de 20 lugares reservados. Como estava no meio do trabalho, não pude tirar muitas fotos, mas teve um indivíduo que chamou minha atenção. Aliás, não só minha, mas de todos que trabalhavam no The Barge. Dá uma olhada nisso:

Salva vidas brasileira: sem comentários
Cheguei de lado nesse cara e falei: posso tirar uma foto sua? Sabe como é, sou brasileira… Ele olhou pra mim e deu risada. Perguntou como ele estava, falei que estava quase lá. Sempre que esbarrava com ele, ele brincava comigo. Foi algo bem engraçado. Assim que tirei a foto, mostrei para quem trabalhava e demos ótimas gargalhadas. Ontem também teve outras fantasias legais como Jack Sparrow – uma das melhores – e até Jesus Cristo com sua cruz. Fico devendo essas fotos… =/

Outra coisa que vi e me deixou maravilhada foi as crianças batendo de porta em porta pedindo doces. Tá ai uma coisa simples e que mexeu comigo. Sabe quando você só vê tal cena nos filmes e não tem ideia de como é na realidade? Pois é, foi algo que me emocionou e me fez rir durante um percurso até o trabalho. Vi cerca de 7 pequeninos fantasiados e acompanhados com suas mães pulando de alegria para a próxima porta. A saocolinha que eles segurava pareciam estar gordinhas de guloseimas. Queria muito ter me juntado no grupo, mas meu trabalho me chamava… 

Posso dizer que o Halloween foi exatamente do jeito que eu esperava: alegre, divertido, um pouco assustador e com direito até a tímidos fogos de artifício. Espero estar aqui no próximo…

Por: Mariana Perez
De: Dublin – Ireland
Email: mariana@revistafriday.com.br

Você já curtiu a Revista FRIDAY no Facebook? faça como eles 😉

Conexão Dublin: Aquecimento Halloween

25 out
Outubro: final de outono, começo de Halloween
Acredito que este final de semana foi o mais esperado por mim – e por outros moradores também… Não só aqui como diversos outros lugares no mundo onde a data é comemorada! Dia 31 de Outubro, quarta-feira, é Halloween, mas as festas em Dublin começam cedo… desde sexta-feira.

Assim que cheguei na Irlanda, vinha pensando no Halloween. Afinal, aqui as pessoas realmente comemoram a data vestidos a caráter e assustando quem passar pela frente, seja nas ruas, pubs ou parques. Uma verdadeira festa ao ar livre.

Em termos de aparência para a festa, sempre quis ter uma fantasia do Beetlejuice. Cara, como sou apaixonada pelo filme “Os fantasmas se divertem” de Tim Burton. Acho incrível a história, o diretor, os personagens e a trilha sonora. Enfim, sai como louca atrás desta fantasia e só achei em um site irlandês. Comprei em um sábado  e a entrega foi na terça. Até ai, tudo perfeito… até eu provar o vestido e ver que uso o tamanho “small” – pequeno – e não o “medium” em Dublin. Não troquei a roupa para não dar muita dor de cabeça, mas estou pensando seriamente em dar umas apertadinhas nele… 😡
Vestido com gravatinha e peruca do Beetlejuice
No pub que trabalho também terá festa durante todo o final de semana até o dia 31. E, para descontrair,  terei que trabalhar fantasiada apenas no sábado. Como esta fantasia do Beetlejuice é apenas para o último dia do mês – tipo uso exclusivo, saca? – hoje fui atrás de outra fantasia barata e bacana. Acabei comprando uma de pirata, vestido nem tão curto nem tão longo, com tapa olho e bandana. Para incrementar, comprei uma lente de contato verde bem falsa com duração de um mês. 

Vamos comemorar o Halloween no The Barge?  ;]
Para dar o toque final, resolvi mudar meu esmalte também. Não sou nenhuma expert em unhas artísticas, mas imaginei um laranja abóbora com preto. Queria muito diferenciar pois além de cuidar da limpeza do pub, também sirvo bebidas e retiro pratos da mesa. O resultado da unha não ficou do jeito que queria, mas melhor que o esperado. Dá uma olhada ai:

Quebra um galho, vai!
Bom, próxima quinta-feira colocarei fotos de como foi minha noite tanto no pub quanto na quarta-feira, aonde eu realmente espero não trabalhar e curtir o dia também!

Ahhh, esqueci de contar! Esta segunda-feira será feriado! Então já viu como terei MUITA coisa boa pra contar! 

😉



Por: Mariana Perez

De: Dublin – Ireland
Email: mariana@revistafriday.com.br

Você já curtiu a Revista FRIDAY no Facebook? faça como eles 😉

Conexão Dublin: Ao homem que fundou a Guinness – Arthur’s Day

4 out
Ao homem que fundou a Guinnes!!!


Cada dia que passa, fico encantada com o estilo irlandês de viver. Comemorar, trabalhar, comemorar novamente! Me sinto em casa já! 


Quinta-feira passada, dia 27 de Setembro, tivemos o Arthur’s Day!!! Um dia especialmente dedicado ao homem que fundou a cerveja mais popular da Irlanda! Tudo começa em 1759, inclusive o brinde ao Arthur Guinness é feito sempre às 17h59, com a assinatura de um contrato de aluguel do terreno onde a fábrica da cerveja está instalada aqui em Dublin.  Somente a água local servia para o tipo de cerveja que Arthur planejava. Detalhe, desde aquele ano, o período de aluguel do local está para um período de 9000 anos (pasmem).

A maioria dos pubs daqui de Dublin celebraram o Arthur’s Day com muita Guinness, por um preço abaixo da média, e shows ao vivo. Inclusive, uma das atrações era Fatboy Slim, Mika e Example. Uma das ruas mais famosas de Dublin devido os pubs e restaurantes, Temple Bar, estava repleta de turistas e irlandeses. E boa parte deles estavam vestidos de preto, conforme o convite do comercial: “Paint the town black” – “pinte a cidade de preto”, cor da cerveja. 

Infelizmente não pude ir na muvuca pois comecei a trabalhar exatamente no mesmo dia – todos comemoram  \o/  !!! Agora trabalho aos finais de semana em um pub chamado The Barge. Entro geralmente às 18 horas e fico até o local fechar. Ajudo na organização do primeiro piso, limpeza, entrega de pedidos e, ainda de quebra, ainda ganho uma boa gorjeta!!! Sexta-feira passada consegui 15 euros!!! 😡

Prometo tirar fotos deste evento próximo ano, se Deus quiser!!! 

Por: Mariana Perez
De: Dublin – Ireland
Email: mariana@revistafriday.com.br

Você já curtiu a Revista FRIDAY no Facebook? faça como eles 😉

Conexão Dublin: Oktoberfest Dublin 2012

28 set
Bem vindo a Oktoberfest… de Dublin!

Já ouviu falar na festa Oktoberfest? E se eu te falar que ela acontece em Dublin? Pois é! Para aqueles que moram na Irlanda e não puderam ir até Munique, a capital irlandesa recebe a festa alemã desde o dia 20 de Setembro até 07 de Outubro. A entrada para o evento é gratuita e acontece no George’s Dock – próximo ao rio Liffey. 

Como não comprei nenhuma passagem para a Alemanha, decidi curti a Oktober daqui com os amigos na sexta-feira passada. Eu e Lynn, coreana muito fofa, chegamos em torno das 21 horas, horário de pico da festa. Dei de cara com meus professores de inglês e eles logo me alertaram sobre a fila gigantesca para entrar no babado. Detalhe: o frio não impediu ninguém de tomar a boa e companheira cerveja. 

Eu e Lynn depois de passar pela fila
Assim que entramos, fomos desvendar o local. Havia barracas de pizza, hot dog alemão e, é claro, cerveja. Fui logo atrás da minha para dar aquela calibrada. Depois que terminamos de beber, comentei para Lynn que precisava comer algo para forrar o estômago. Ela se assustou pois tínhamos comido batatas fritas enquanto esperávamos na fila. Fiquei na dúvida entre el salsichón alemão e uma mini pizza de queijo. E a escolha foi…

Salsicha alemão com gengibre 😡

Cantina maneira

Cerveja alemã Erdinger
Muita carne nessa hora! rs

Após a sessão fominha, entramos em uma tenda onde havia um mega som maneiro. 

Entrada para a festa

Como o local estava lotado!!! Me assustei no início, mas depois já estava dançando conforme a música. A banda animava a galera com músicas conhecidas. Eu e a coreana fomos para próximo do palco e quase não voltamos porque um cara “se apaixonou” por ela. Meu Deus! Como há europeus fracos de cantada hein. Ele ficou cerca de 10 minutos conversando e nada! haha


ps: não estou generalizando, mas pelo o que eu vi até hoje, eles realmente preferem ir com calma com as ladies. O que, para mim, isto é fantástico!!!


Banda animando geral!

Um copo – ou um braço? – perdido entre a galera
A festa foi muito boa, mas preciso voltar e ir mais cedo para aproveitá-la melhor. No final das contas, minha noite foi assim:
era para ter encontrado vários amigos no evento, mas como fiquei mais de meia hora na fila e ainda cheguei tarde, eles acabaram voltando para casa e só encontrei um deles lá. Além do vento e do frio lascado da madrugada, ainda perdi meu celular na volta para casa. Como estava muito tarde e não havia mais ônibus circulando, eu e a Lynn acabamos dormindo na sala desse amigo que encontramos no evento. E no dia seguinte, fiquei muito gripada, com direito a febre e tudo o mais. haha

Goodbye Oktober!!!

Ligando para os amigos esperarem só mais uns minutinhos haha

Espero voltar na Oktober na segunda-feira, depois do almoço. Nem tomei a jarra cheinha de cerveja poxa… =/


Por: Mariana Perez
De: Dublin – Ireland
Email: mariana@revistafriday.com.br

Você já curtiu a Revista FRIDAY no Facebook? faça como eles 😉